Notícias

Sintex promove workshop sobre FAP e NTEP

O Sintex promoveu ontem (4 de setembro) um workshop sobre FAP (Fator Acidentário de Prevenção) e NTEP (Nexo Técnico Epidemiológico), com Airton Kwitko - médico, consultor e especialista na área de saúde e segurança do trabalho. O evento reuniu diretores e gerentes das empresas associadas e abordou questões para redução do FAP, as repercussões negativas do NTEP para as empresas e os recursos administrativos que podem ser adotados.
Entre as medidas sugeridas pelo consultor para estas questões, estão a importância da qualidade nos exames médicos e de prevenção; gestão dos afastamentos e dos afastados; informatização, controle e auditoria de prontuários médicos (PCMSO e PPRA); controle das questões psicossociais; controle dos acidentes típicos e adoção de medidas de controle ergonômico.
Segundo o especialista, no Brasil, os acidentes típicos representam cerca de 32% das causa de afastamento; causas osteomusculares, 29% e transtornos mentais e comportamentais, 20%. Para os acidentes típicos, um bom PPRA é eficaz na redução do número de acidentes.
O workshop promovido hoje deu continuidade ao evento que reuniu representantes das áreas de saúde e segurança do trabalho, realizado pelo Sintex no dia 15 de maio. “O evento anterior foi muito mais técnico para os profissionais da área e teve oito horas de duração. O objetivo do evento de hoje foi o de esclarecer às diretorias e gerências das empresas associadas as implicações legais e administrativas do FAP e do NTEP”, destacou o diretor do Sintex Renato Valim.


Compartilhe:

<< Voltar