Notícias

Produção têxtil catarinense cai 1,5%

 

Seminário realizado com apoio do Sintex, no dia 2 de outubro, em Blumenau, informará empresários catarinenses sobre o panorama e perspectivas do setor.

 

O Estado de Santa Catarina, segundo maior produtor têxtil e de confecção brasileiro, sofre com a queda na produção no setor. Somente nos primeiros sete meses deste ano, a produção têxtil no Estado diminuiu 1,5% e a de confecção caiu 0,1%, em relação ao mesmo período do ano passado, segundo dados do IBGE. Com um faturamento de aproximadamente US$ 10,2 bilhões, segundo dados do IEMI. Já o varejo têxtil catarinense apresentou um crescimento de 4,5% nas vendas, em volume, de janeiro a julho deste ano, indicando participação dos importados.

 

Somente nos primeiros oito meses de 2014, o Estado de Santa Catarina respondeu por 33,4% do total de importações brasileiras de produtos têxteis e de confecção, totalizando US$ 1,5 milhão (um aumento de 7,6% em relação ao mesmo período do ano passado), segundo dados do MDIC. O Estado conta com 5.780 empresas e 282 mil trabalhadores diretos.

 

Com o objetivo de informar os empresários catarinenses sobre o panorama e perspectivas do setor, bem como mostrar soluções que outras empresas estão fazendo, a Associação Brasileira da Indústria Têxtil e de Confecção (Abit) por meio do Texbrasil (Programa de Internacionalização da Indústria da Moda Brasileira, desenvolvido pela Associação em parceria com a Apex-Brasil), realizará no próximo dia 2 de outubro, o seminário “Circuito Abit/Texbrasil - Competitividade e Internacionalização” e conta com a parceria do Sintex - Sindicato das Indústrias de Fiaão, Tecelagem e do Vestuário.

 

O evento, que será realizado na cidade de Blumenau, no Senai - SC, é dirigido a empresas do setor de todos os portes e é gratuito.

 

As inscrições já estão abertas. Mais informações podem ser obtidas pelo e-mail marketing@sintex.org.br ou pelo telefone (47) 3326 9662.

 
Veja a programação do evento.

 

 



Compartilhe:

<< Voltar