Notícias

Sintex e Fiesc apresentam novo estudo sobre o setor têxtil catarinense

Os principais dados atualizados da indústria têxtil catarinense foram apresentados nesta terça-feira (18), durante a reunião da Câmara de Desenvolvimento da Indústria Têxtil, do Vestuário e do Calçado da Fiesc, em Florianópolis. As informações integram o Relatório Setorial – Santa Catarina Têxtil, desenvolvido pelo Iemi - Instituto de Estudos e Marketing Industrial e realizado pelo Sintex – Sindicato das Indústrias de Fiação, Tecelagem e do Vestuário e pela Fiesc – Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina. Participaram da apresentação representantes da Federação, de sindicatos patronais, empresários do setor têxtil e representantes de indústrias de todo o Estado.

Apesar dos números que indicam crescimento um pouco acima da média nacional, o setor têxtil catarinense possui desafios a serem superados. Por isso, a reunião também discutiu a criação da frente parlamentar da indústria têxtil na Assembleia Legislativa (Alesc), com a presença do deputado estadual Jean Kuhlmann, cuja intenção é canalizar as demandas do setor. Na opinião do presidente da Câmara de Desenvolvimento da Indústria Têxtil, do Vestuário e do Calçado, Sérgio Pires, o setor enfrenta dificuldades como a logística e também é diretamente afetado pelo custo da energia elétrica.

"Além disso, para o Estado continuar crescendo é preciso ajudar o empresário a entender melhor os comportamentos de moda. Diversas empresas estão crescendo a taxas superiores ao PIB por terem essa capacidade", destacou Pires.



Compartilhe:

<< Voltar