Commodities Agrícolas

Veículo: Valor Econômico
Seção: Empresas
Página:

 

Influência da Índia Os contratos futuros de algodão negociados na bolsa de Nova York apresentaram ganhos com a cobertura de posições vendidas diante da estimativa de que o governo da Índia (segundo maior produtor da fibra) vai exportar um volume recorde do produto. Os papéis com vencimento em julho encerram a 90,02 centavos de dólar por libra-peso, com valorização de 177 pontos. Segundo especialistas ouvidos pela Dow Jones Newswires, a alta nos papéis menos de uma semana antes do período de entregas físicas indica que aqueles que estão com posições vendidas podem não ter o produto ou não querem entregá-lo com base no contrato futuro para maio, que expira nas próximas semanas. No mercado interno, o indicador Cepea/Esalq subiu 0,14%, a R$ 1,5990 por libra-peso. No mês, a variação é negativa em 1,52%.