A primeira enchente

Veículo: Jornal de Santa Catarina
Seção: Mercado Aberto
Página:

A loja da Kyly, inaugurada há pouco mais de um mês na Rua Humberto de Campos, passou pela primeira enchente. Teve cerca de meio metro de água no primeiro piso, construído acima no nível da rua para tentar evitar esse tipo de contratempo. Nesse caso, não funcionou.

O fundador da confecção infantil de Pomerode, Salézio Martins, e mais 20 pessoas estavam ontem, às 9h da manhã, limpando as calçadas. A loja estava praticamente montada. Falta apenas verificar o sistema de informática para reabrir o espaço.

A tragédia de março, em Pomerode, foi bem pior. A fábrica foi atingida pela enxurrada e cerca de R$ 4 milhões em mercadorias foram perdidos.