Dona da Zara registra lucro 30% maior no ano apoiada na Ásia

Veículo: Folha de São Paulo
Seção:
Página:

Dona da Zara registra lucro 30% maior no ano apoiada na Ásia

O grupo espanhol líder mundial do setor têxtil Inditex, que comercializa a marca Zara, registrou um aumento de 30% dos lucros em 2010, impulsionado principalmente por sua expansão pelo continente asiático.

O lucro líquido da companhia chegou a 1,73 bilhão de euros (US$ 2,46 bilhões), o que representa um crescimento de 32% a ritmo interanual, segundo comunicado do grupo divulgado nesta quarta-feira.

O volume de vendas alcançou 12,52 bilhões de euros (US$ 17,82 bilhões), uma alta de 13%, e seu Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização resultado, na sigla em inglês) subiu 25%, a 2,96 bilhões de euros (US$ 4,21 bilhões).

O anúncio dos lucros foi bem recebido na Bolsa, e as ações da Inditex subiam 5,7% (57,03 euros, US$ 81,13) na manhã desta quarta-feira, em um mercado que opera em leve alta (0,36%).

A Inditex, que em 2010 superou a marca de 100 mil funcionários em todo o mundo, possui atualmente 5.044 lojas em 77 países com as marcas Zara, Pull and Bear, Bershka e Massimo Dutti.

A Ásia, onde no ano passado foram inauguradas 160 novas lojas (mais de um terço do total), representa atualmente 15% das vendas da Inditex, ante 12% um ano atrás.

A Inditex já está presente em 30 cidades chinesas, e prevê chegar a 42 este ano. Na Índia, onde as primeiras lojas foram abertas no ano passado, a companhia pretende inaugurar novos pontos de venda nas cidades de Nova Déli, Mumbai, Bangalore e Pune.