Inflação pelo IGP-M acelera com atacado e varejo

Veículo: Estadão
Seção: Economia e Negócios
Página:

Inflação pelo IGP-M acelera com atacado e varejo

O Índice Geral de Preços do Mercado (IGP-M) subiu 0,66 por cento na primeira prévia de fevereiro, ante alta de 0,42 por cento em igual período de janeiro, informou a Fundação Getúlio Vargas (FGV) nesta quinta-feira.

O Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA) aumentou 0,76 por cento, contra 0,40 por cento antes. O IPA agrícola ampliou a alta, de 0,98 para 1,42 por cento, enquanto a elevação do IPA industrial acelerou de 0,19 para 0,52 por cento.

Os principais aumentos de preços no atacado foram de minério de ferro, milho em grão, algodão em caroço, cana-de-açúcar e fios, cabos e condutores elétricos isolados.

O Índice de Preços ao Consumidor (IPC) subiu 0,45 por cento na primeira prévia deste mês, ante variação positiva de 0,41 por cento na de janeiro.

Os custos do grupo Alimentação caíram --em 0,10 por cento após alta anterior de 0,64 por cento--, mas os de Habitação, Educação, leitura e recreação e Transportes aceleraram a alta, para, respectivamente, 0,33, 1,63 e 1,53 por cento, refletindo maiores preços de aluguel, mensalidades e materiais escolares e ônibus urbano.

As maiores altas individuais de preços no varejo foram de tarifa de ônibus urbano, aluguel residencial, alface, curso de ensino superior e laranja pera.

O Índice Nacional de Custo da Construção (INCC) avançou 0,52 por cento, comparado à elevação anterior de 0,62 por cento.