China expande comércio em yuan de 365 para 67 mil exportadoras

Veículo: Estadão
Seção: Economia
Página:

A China expandiu seu programa piloto de fechamento de transações de comércio em yuans para 67.359 exportadores em 16 países, de 365 empresas originalmente, disse o banco central em nota distribuída em seu site nesta segunda-feira. A lista expandida, que entrou em vigor na sexta-feira, representa um passo adiante na expansão do programa piloto da China. As companhias que participam do projeto, localizadas em Pequim, Xangai e Guangdong e de setores como eletrônicos, têxtil e químico, serão beneficiadas com isenção ou abatimento de impostos, disse o Banco do Povo da China (PBoC), sem detalhar. De junho a novembro, os bancos detinham 340 bilhões de yuans em comércio entre fronteiras fechados em yuans, mais de sete vezes o total do período precedente, diz a nota do BC chinês sem especificar quais são os meses. As informações são da Dow Jones.