Notícias

Brandili investe no planeta



Há 45 anos no mercado, a Brandili Têxtil – fabricante catarinense especializada em moda infantil – está sempre ligada às questões de sustentabilidade para colaborar com o meio-ambiente e com a sociedade. Após extensa fase de testes, iniciada em novembro de 2009, a Brandili inaugurou recentemente as estações ultratecnológicas para tratamento de efluentes e afluentes: um investimento superior a 3 milhões e novecentos mil reais.

A Estação de Tratamento de Efluentes (ETE) funciona da seguinte forma: todos os fluídos da empresa, como por exemplo, a água que contém corante de tingimento dos tecidos, chegam à ETE para serem tratados. Lá, são estocados em grandes tanques que, por meio de tratamento biológico e físico-químico eliminam 97% das impurezas da água que retornará ao rio, deixando-a ainda mais limpa do que quando é coletada para o tratamento de afluentes.

Já na Estação de Tratamento de Afluentes (ETA), a água vinda do rio mais próximo à fábrica é tratada e estocada para eventuais emergências. A ETA tem capacidade para armazenar 900 metros cúbicos de água e os dois tratamentos são controlados por um programa digital responsável por todo o processo, incluindo o controle da temperatura. A cada mês, a Estação chega a tratar 30 mil metros cúbicos dos afluentes e cerca de 24% desse volume se transforma em água quente para ser utilizada sem a necessidade de ativar a caldeira da fábrica, que demanda consumo de energia. Vale ressaltar que toda a limpeza da fábrica é realizada com as águas tratadas pela ETA.

Pensando no futuro, a Brandili investe fortemente a favor de uma melhor utilização da água para um mundo mais sustentável.

BRANDILI CAMINHA A FAVOR DO MEIO-AMBIENTE

Em coleções passadas a Brandili apresentou roupas confeccionadas com fios de garrafas pet recicladas e algodão que, modificado geneticamente, já nasce colorido, evitando assim o processo de tingimento. Passou também a utilizar sacolas oxibiodegradáveis para a comercialização de todas as suas marcas nos pontos de venda. Com isso, o tempo de decomposição das sacolinhas passa de centenas de anos para apenas 18 meses, evitando que elas fiquem soltas no meio ambiente.

 
MAIS SOBRE A BRANDILI TÊXTIL

Criada em 1964, a Brandili Têxtil mantém dois parques fabris nas cidades de Apiúna e Otacílio Costa (SC). Seu consumo mensal de malha é de 230 toneladas. Ao ano, cerca de 15 milhões de peças são produzidas.
 

Preocupada com o bem-estar dos colaboradores, a empresa investe constantemente em estrutura, equipamentos, qualificação profissional e programas sociais. Também dedica grande atenção às peculiaridades de cada região, elaborando coleções especiais para os Estados do Norte e do Nordeste brasileiro. A qualidade das peças e as propostas visuais inovadoras são reconhecidas e valorizadas pelo mercado, o que reforça seu posicionamento como líder desse segmento entre as mães e as crianças. A Loja Virtual e o Blog Moda Infantil estão disponíveis no site da Brandili – www.brandili.com.br.

 


Compartilhe:

<< Voltar