Fematex abre ano do setor têxtil

Veículo: Jornal de Santa Catarina
Seção: Economia
Página: www.santa.com.br

Primeira feira promovida após a tragédia prova que a melhor estratégia contra a crise é investir
GIOVANA PIETRZACKA

 
 

BLUMENAU - A primeira grande feira têxtil de 2009 começa hoje provando que a tragédia das chuvas de novembro não inundou os negócios. A segunda edição da Feira Internacional de Materiais para a Indústria Têxtil e de Confecção (Fematex) trouxe a Blumenau 70 expositores, sendo 21 de Santa Catarina e um do Exterior (Austrália). E mesmo com a crise econômica mundial, todos estão muito otimistas com a feira.

– Estamos com quase o mesmo número de expositores do ano passado, mas esperamos que o público visitante chegue a 10 mil, 4 mil a mais que na outra edição – estima Renato Valim, diretor do Sindicato das Indústrias de Fiação, Tecelagem e do Vestuário de Blumenau (Sintex), entidade organizadora da feira.

A montagem dos estandes estava intensa, ontem à tarde, no Parque Vila Germânica, com cadeiras sendo dispostas, paredes sendo erguidas, tecidos e botões organizados em expositores. O barulho de martelos tomou conta do espaço. Alguns tecidos coloridos, expostos do teto até o piso, mostravam as cores, estampas e texturas do Verão 2009/2010. É o espaço denominado de Fórum de Tendências, onde o visitante pode ver tudo o que será moda no próximo verão. A Fematex também abrirá espaço para debates, em um ciclo de palestras gratuitas (veja tabela).

Os expositores também estão otimistas quanto aos negócios que estão prestes a firmar. Aliás, nem a crise financeira mundial impediu que eles viessem à feira.

– Em momentos de crise é que vemos as oportunidades. Oportunidade de falar com o nosso público, fornecedores e de fazer novos clientes – disse Mariana Neves, analista de Marketing de uma indústria têxtil estreante na feira.

Rogério Selhorst de Jaraguá do Sul está expondo pela segunda vez na Fematex.

– A hora ideal para pisar no acelerador é agora – afirmou.

Alguns expositores tiveram a impressão de que a feira está menor este ano. E está. São 10 estandes a menos que no ano passado. E são dois os motivos: a crise mundial, que obrigou muitas empresas a pisar no freio nos investimentos, e a tragédia das chuvas de novembro. Nada que ofusque a importância e o simbolismo do evento, o primeiro do setor têxtil desde a catástrofe.

giovana@santa.com.br

Serviço
Fematex – Começa hoje e vai até sexta-feira, no Parque Vila Germânica, em Blumenau. Qualquer pessoa que tenha algum tipo de relação com o setor têxtil pode participar. A entrada é gratuita, mas é necessário fazer credenciamento na hora
Horário: 10h às 19h
Programação de palestras
As discussões ocorrem em um auditório montado junto aos estandes, com capacidade para 250 pessoas. As palestras são gratuitas.
Hoje
13h30min - Plano de Negócios para Confecções
15h30min - Preview Verão 2010
17h30min - Pequenas Unidades de Produção Inteligentes
Amanhã
10h30min - Tendências Verão 2009
 
13h30min - Índia Contemporânea, Cultura e Indústria Têxtil
15h30min - Preview Verão 2010
17h30min - Tendências Primavera Verão 2009/2010
Quinta-feira
10h30min - Tecnologias têxteis diferenciadas
13h30min - A tipografia e a Moda
15h30min - Conceito, panorama e inspirações sobre o verão 2010 teenager/infantil
17h30min - A moda e a crise, perspectivas da criação brasileira
Sexta-feira
10h30min - Costurando valor: como a confecções brasileiras podem alinhar-se às premissas do Desenvolvimento Sustentável, obtendo aumento de competitividade
13h30min - Dossiê MTV Universo Jovem
15h30min - Regulamento técnico sobre identificação de produtos têxteis
 
17h30min - Tendências Verão 2010